SINEWAVE ESSENTIALS – The Best of 2014 (2014)

VARIOUS ARTISTS
Sinewave Essentials – The Best of 2014
Gênero: Post-Rock, Post-Metal, Electronic, Dark Ambient, Shoegaze, Indie, Drone, Instrumental
sw0137 – 2014 – Sinewave

Download (250 MB)

BANDCAMP

SPOTIFY

RELEASE

Mais um final de ano, mais uma coletânea de final de ano. Dessa vez reunimos uma faixa de cada um dos dezessete trabalhos lançados na Sinewave durante 2014: o eletrônico experimental do Cadu Tenório, A Espiral de Bukowski e Gustavo Jobim (com suas parceiras com Visszajáró e Gabriel Kalb), o drone do J.-P Caron e Kovtun, o post-rock do Kalouv, E A Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante, ruído/mm e The Tape Disaster, o metal instrumental do Huey e do Testemolde, o indie barulhento do This Lonely Crowd e do Duelectrum. Bandas e artistas diferentes entre si, mas que carregam uma tag simbólica de todo o catálogo do selo: bandas que sangram de alguma forma. A coletânea coroa um ano incrível para a Sinewave: Rolou a edição especial da revista +Instrumental só sobre o selo; o convite para o bate-papo do SIM (Semana Internacional de Música) em uma mesa sobre selos independentes; toda a repercussão que os dezessete lançamentos ganharam em sites e blogs durante o ano; e agora as listas de final de ano, diversas delas com lançamentos da Sinewave lembrados entre os grandes. Dá pra sangrar ainda mais. Que venha 2015.

FAIXAS
01. CADU TENÓRIO – Prematuro
02. A ESPIRAL DE BUKOWSKI – Pitágoras Visitam Matusalém Antes da Gramática Universal – Parte 3
03. KALOUV – Algul Siento II
04. E A TERRA NUNCA ME PARECEU TÃO DISTANTE – Pequenas Expectativas, Menores Decepções
05. HUEY – Valsa De Dois Toques
06. THIS LONELY CROWD – The Greatest Possible Solitude
07. J.-P. CARON – 8² (Excerpt)
08. GUSTAVO JOBIM – Biomekanik
09. GUSTAVO JOBIM & VISSZAJÁRÓ – Wounds That Heal
10. KOVTUN – The Gates of Imaginary Heaven
11. TESTEMOLDE – 999
12. CADU TENÓRIO – Fragmentos
13. DUELECTRUM – She Doesn’t Feel The Sun
14. RUÍDO/MM – Cromaqui
15. THE TAPE DISASTER – Morgana
16. GABRIEL KALB & GUSTAVO JOBIM – Mare Tranquillitatis
17. E A TERRA NUNCA ME PARECEU TÃO DISTANTE – Quando Vão Saber Que Já Apanhei o Suficiente?

Next Post

Previous Post

© 2017 Sinewave

Theme by Anders Norén